Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Fundação Cultural

16/04/2015 - Shows internacionais serão apresentados no TEU Show e TEU Jazz desta quinta

O TEU Show e o TEU Jazz desta quinta-feira (16) promete. No palco do Teatro Experimental de Uberaba (TEU) o Trio suíço Aliéksey Vianna (guitarra acústica), Stephan Kurmann (baixo) e Mauro Martins (percussão), dentro do projeto TEU Show. No TEU Jazz, a atração será um dos mais rápidos contrabaixistas nos baixos de 4 cordas com a utilização da técnica do SLAP, Celso Pixinga.

No TEU Show, às 19h30, o espetáculo será internacional com o Trio Suíço. O grupo se formou na Basiléia, Suíça, em 2008 e desde então tem se apresentado em diversos eventos em países da Europa central. Entre os mais notáveis estão o In Guitar Festival (Winterthur, Suíça – 04/2012), o Heisnberg Guitar Festival (Heinsberg, Alemanha – 05/2013), o Off Beat Series (Basiléia –  08/2014), o Rencontres Internationales de la Guitare (Antony, França – 02/2015) e o bird’s eye jazz club da Basiléia, onde o grupo tocou diversas vezes desde 2010.

Em um fim de semana de Novembro de 2013, o trio se apresentou em duas noites consecutivas no bird’s eye. Na primeira delas, Peter Schmidlin, do selo TCB Music, estava presente na plateia. Ele gostou do que ouviu e, ao saber que o show estava sendo gravado, ofereceu lançar a essa gravação “ao vivo” em um CD do seu selo. Assim nasceu o primeiro disco do grupo, que está sendo lançado em 2015 em uma série de concertos pela Europa e Brasil (na qual o concerto desta noite se insere).

O repertório do Trio inclui uma grande variedade de estilos. Ele enfoca a sonoridade do violão em composições de Ralph Towner, Toninho Horta, Juarez Moreira, Egberto Gismonti, Guinga, Marco Pereira e Paulo Bellinati, bem como em “standards” de Tom Jobim ou Pixinguinha e algumas composições próprias.

Entre 1998 e 2002, Aliéksey Vianna foi premiado em mais de vinte concursos internacionais de violão e estabeleceu uma reputação internacional como um dos melhores violonistas de sua geração. Desde então tem colaborado com uma série de músicos dos mais diversos estilos, tais como: Pierre Boulez, Petri Sakari, Sérgio Assad, Paul McCandless, Mike Eckroth, Peter Erskine, Tracy Silverman, Dusan Bogdanovic, Carlos Malta, Antonio Carlos Carrasqueira, Dimos Goudaroulis e Mauricio Freire Garcia.

Convidado frequente de diversos festivais, já atuou como solista em mais de trinta países e frente a grupos como a Orquestra Sinfônica de Campinas e Orquestra Filarmônica de Minas Gerais (Brasil), Orquestra Filarmonia das Beiras (Portugal), Orquesta Ciudad de Almeria (Espanha), Orquestra Sinfônica da Basiléia (Suíça), Aukso Tychy Chamber Orquestra (Polônia), Orquestra Filarmônica de Turku (Finlândia), Knifkvarteten (Suécia) e Artaria Quartet (EUA).

TEU Jazz – Logo depois, no TEU Jazz, Eduardo Machado convida um dos mais rápidos contrabaixistas nos baixos de 4 cordas com a utilização da técnica do SLAP, Celso Pixinga.

Na década de 80, ele tornou-se professor de contrabaixo e no ano de 1987, lançou seu primeiro trabalho: "Pixinga"5. Reconhecido no país, o contrabaixista já tocou com Evandro Mesquita, Gal Costa, Wanderléa e outros artistas e bandas, tais como o T.N.T. Lançou os CDs "Voo Livre" e logo depois "Wake Up", em 1997, no Blue Note de Nova York, conhecido como o templo do jazz.

Uma das características de suas músicas são os ritmos variados. No CD "Quase Acústico", de 2001, Pixinga mesclou seu estilo com o samba e outros ritmos brasileiros. O disco lançado no ano de 2002, "Celso Pixinga & A Gig", trouxe os vocais das cantoras Rita Kfouri, Cida Souza, Tatiana Parra e Maria Diniz em músicas dançantes. Além disso, fez releituras de canções de Ivan Lins e Vitor Martins e homenageou os DJs na faixa "Mr DJ".

O CD "O Condutor", foi lançado em 2002 e contou com a participação de apenas dois músicos: ele mesmo, no contrabaixo, e João Carlos Godoy no teclado. 5 O disco é uma junção sutil da música brasileira, latina e os vários estilos do jazz, entre eles o rock, o latino e o tradicional. Os destaques desse trabalho são as canções "Pro Gol", "Intervalo" e a versão de "Milestones" de Miles Davis. Em 2003, lançou "Celso Pixinga".

Em 25 anos de carreira, o contrabaixista conta com 7 vídeo-aulas,3 1 contrabaixo e 1 amplificador com seu nome, 2 DVDs e a coordenação do Instituto de Baixo e Tecnologia da EM&T (Escola de Música & Tecnologia). Entre os artistas que já acompanhou estão Evandro Mesquita, Ângela Rô Rô, Gal Costa, Mozart Mello, Fat Family, Gonzalo Rubalcaba, o baterista Dave Weckl, Taj Mahal, o guitarrista Kiko Loureiro e outros. Além disso, Pixinga já se apresentou em países da Europa, Ásia, América do Norte e América do Sul.

Em 2009, 2010, 2011 e 2013 participou do New Hampshire Bass Fest (Berklee)3 dando aula e tocou em Boston no "House of Blues com o quarteto "Two Four".

Pela biografia dos artistas convidados, TEU Show e TEU Jazz são eventos imperdíveis desta quinta-feira, no Teatro Experimental de Uberaba.

 

 Maria das Graças Salvador - Comunicação PMU/FCU 25.03.2015

 

Inspirado no Jazz norte-americano, Celso Pixinga lança seu quarto CD solo pela Paulinas-COMEP e décimo quarto de sua carreira. A gravação é uma masterização do show Celso Pixinga ao vivo no Sesc Paulista, realizado em novembro de 2001. São oito canções das quais três - Foi, Cat e PCA - são composições e arranjos do próprio Pixinga; Luiza e Invernal: arranjos e autoria de Lis de Carvalho; Slap: composição de Celso Pixinga e Carlos Balla; Domingo de manhã: autoria e arranjos de Léa Freire; e Giant steps: composição de John Coltrane e arranjos de Celso Pixinga. A produção do CD ficou por conta do próprio Pixinga em parceira com Cássio Martin, com produção executiva de Rita Kfouri. Na direção musical estavam Pixinga, Lis de Carvalho, Giba Favery e Léa Freire. Quem perdeu o show em 2001, no Sesc Paulista, pode agora conferir a criatividade e o grandioso talento de um dos melhores contrabaixistas do mundo.

Reconhecido no Brasil como um dos mais rápidos contrabaixistas3 4 nos baixos de 4 cordas com a utilização da técnica do SLAP.

 
 
 

Outras Notícias: Fundação Cultural



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub