Prefeitura

Gabinete

25/10/2014 - Paulo Piau anuncia investimentos de R$40 milhões para construção de represa em Uberaba

A ação do prefeito junto ao governo federal é uma tentativa de solucionar o problema no abastecimento de água com a seca que tomou conta de boa parte do Brasil

Prefeito Paulo Piau concedeu entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (24) para anunciar recursos no valor de R$40 milhões do Ministério das Cidades destinados à construção de uma represa para armazenamento de dois milhões de metros cúbicos de água. A barragem será construída na região da Prainha, acima da estação de captação do Rio Uberaba, a 15 km da cidade. A expectativa é de que esses investimentos possam atender a cidade nos próximos 25 anos com uma população estimada em 600 mil pessoas. Outras medidas foram anunciadas antes que a barragem fique pronta, em 2016.  


A audiência do prefeito no Ministério das Cidades foi nessa quinta-feira, em Brasília, quando foi possível mostrar mais uma vez a crise no abastecimento de Uberaba, em razão da maior seca dos últimos 100 anos. O prefeito conseguiu sensibilizar o Ministério das Cidades da importância do projeto do Centro Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba (Codau) e da necessidade de construir a represa para ampliar consideravelmente a capacidade de reserva de água para os próximos 25 anos.


O município de Uberaba, que hoje tem 320 mil habitantes, deverá apresentar crescimento populacional acima da média esperada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 0,9% ao ano. Portanto, o número de habitantes poderá dobrar, principalmente, em razão dos grandes investimentos industriais previstos, alguns ancorados pela planta de amônia já iniciada pelo Petrobras e que será viabilizada com a chegada do gasoduto assegurado pelo governador eleito de Minas Gerais, Fernando Pimentel.    


A obra deverá ficar pronta em 2016, entretanto, antes disso outras ações serão realizadas, inclusive a transposição definitiva do Rio Claro e a construção de quatro novos reservatórios na cidade, cujo recurso já está disponibilizado pela Caixa Econômica Federal (CEF), algo que varia entre R$3milhões e R$4 milhões cada uma das estruturas. Hoje existe a captação do rio Uberaba e a outorga para captação de água no Rio Claro é de 900 litros por segundo.


O prefeito afirmou que se houver uma situação de seca no ano que vem semelhante a 2014, poderão ser perfurados poços artesianos visando ao aqüífero guarani e ser feita uma transposição no Rio Araguari.  Em relação ao Rio Grande seria a última alternativa, pois a água é considerada imprópria para o consumo e o custo seria enorme, porém não será totalmente descartada para o futuro.


Paulo Piau reclamou que muito pouco foi feito na questão do abastecimento nas últimas décadas, mas ao mesmo tempo deixou claro que 2014 foi um ano atípico e que o governo municipal está trabalhando muito para que a população não passe novamente pelas dificuldades deste período.


Segundo Paulo Piau, o Centro Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba (Codau) cuidará de toda a parte técnica e burocrática para que em seis meses possa estar com a licença ambiental em mãos para licitar a obra, que deve durar entre 12 e 18 meses. O presidente do Codau, Luiz Guaritá Neto, presente na entrevista coletiva, ressaltou que o recurso para a construção da represa é de fundamental importância e que o crédito deve ser atribuído ao prefeito de Uberaba pela disposição de correr atrás da solução dos problemas e ao bom trânsito no governo federal.
 
Jornalista Reginaldo Cangussu (Decom PMU)

 
 
 

Outras Notícias: Gabinete



Voltar
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub