Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Gabinete

17/01/2014 - Ativista Zé do Pedal visita Prefeito Paulo Piau

O prefeito Paulo Piau recebeu na manhã desta sexta-feira (17) a visita do ativista mineiro, José Geraldo de Souza Castro, Zé do Pedal, 56, membro do Lions Clube de Viçosa, pioneiro do cicloturismo latino-americano. Zé do Pedal vai fazer uma viagem onde dará 150 milhões de passos, para chamar a atenção sobre acessibilidade e dificuldades das barreiras arquitetônicas.

Ao passar por Uberaba, Zé do Pedal fez questão de visitar o prefeito Paulo Piau e a primeira dama Heloísa Piau. Ele é amigo antigo da família Piau, na cidade de Viçosa.  Em seu novo projeto denominado A Cruzada “Extremas Fronteiras – Barreiras Extremas”, o ativista fará uma caminhada de 10.700km, empurrando uma cadeira de rodas, saindo da cidade de Uiramutã, Fronteira norte com a Venezuela, passando por 20 estados brasileiros: Roraima, Amazonas, Pará, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Goiás, Brasília, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. O começo oficial da caminhada, que terá um ano de duração, será dia 3 de fevereiro com previsão de chegada à Chuí, fronteira Sul do Brasil com Uruguai, no mês de fevereiro de 2015.

O prefeito Paulo Piau fez questão de destacar o empenho e dedicação do ativista mineiro que luta por um ideal e carrega consigo diversas histórias de coragem e dedicação ao próximo. “Ele quer mudar o mundo, em busca do respeito e igualdade da sociedade”, concluiu o prefeito Paulo Piau.

A primeira dama Heloísa Piau, destacou a importância do trabalho, como forma de motivar ações que buscam a valorização da vida em sua forma plena, onde os direitos são igualitários à todos os cidadãos, independente da raça e condição social de cada um. “Temos que apoiar mais esta iniciativa, é necessário que as pessoas estejam mais conscientes da realidade e que acessibilidade é um direito de todo e qualquer cidadão”.

 Durante a caminhada, serão distribuídas cartilhas, em formato digital, sobre a Convenção da ONU sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, e, ao mesmo tempo, em parceria com os Lions Clubes do Brasil e ONGs realizar projetos e palestras em escolas nas comunidades visitadas visando atrair a atenção sobre um dos principais problemas que afetam às pessoas com necessidades especiais: as barreiras arquitetônicas.

De acordo com o ativista, o projeto, tem como objetivo ainda entregar, nas Câmaras Legislativas dos municípios visitados, uma proposta de Projeto-Lei sobre Normas de Acessibilidade e outra para a criação de Conselhos Municipais dos Direitos da pessoa com Deficiência e o de conscientizar as pessoas, principalmente aquelas com poderes de decisão, a terem mais respeito com as pessoas deficientes.

“Hoje em dia é comum ver pessoas em cadeiras de rodas impossibilitadas de entrar em um banco ou setor público, por falta de rampas de acesso ou de elevadores. Queremos projetar uma imagem diferente das pessoas com deficiências que não gere pena, senão Igualdade - Dignidade – Respeito, pois apenas eliminando as barreiras arquitetônicas e sociais que dificultam às pessoas deficientes a participarem ativamente em todos os aspectos da vida social, é que teremos um mundo mais justo e mais humano”. Zé do Pedal falou ainda que as barreiras arquitetônicas prejudicam não só os cadeirantes, mas também as gestantes, os idosos, etc.

Histórico - O projeto nasceu em junho de 2008, durante a viagem rumo a Johanesburgo, quando, na passagem pela cidade de León, no “Caminho Francês”, da rota de peregrinação de Santiago de Compostela, em um dado momento escutei uma voz feminina dizendo: "No puedo" (não posso). Era uma jovem em uma cadeira de rodas tentando subir um pequeno passeio de 15 cm de altura. “Aquela cena me chocou de uma maneira tal que me fez começar a refletir sobre a situação das pessoas com necessidades especiais no meu País, onde, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE-2000) e do Banco Mundial, existem cerca de 24.5 milhões de portadores de alguma forma de deficiência. Em miúdos, 14,5% da população”.

Apoio - Após trinta e cinco anos viajando sempre sozinho, desta vez o ativista terá dois novos companheiros de viagem que serão voluntários no projeto: O estudante de Engenharia Elétrica Adilson Pereira dos Santos Jr. 24, natural de Vitória da Conquista, Bahia, que realizou em 2012 um Projeto Educacional dando aulas praticas e teóricas de informática para crianças de 8 à 14 anos.  

O Outro companheiro é paulista Vinicius Matsumoto, 24, engenheiro mecânico, quem, após concluir a universidade, resolveu dar um “passeio pelo mundo em bicicleta”. Vinicius, que trabalha a 3 anos na ONG TETO (que constrói casas de emergência em comunidades carentes de São Paulo e Rio de Janeiro) passará 1 ano no projeto e ao chegar ao Chuí pegará a bicicleta, sobe até o Canadá e de lá segue até a Ásia. “Quero me envolver mais com as culturas e pessoas, conhecer as culturas dos povos mais profundamente, estudar e trazer de volta ao presente o conhecimento dos antigos, em que as pessoas estavam mais ligadas entre si e a natureza”. Finalizou Vinicius.

Contatos Zé do Pedal: 031-86003001 - zedopedal@gmail.com – www.zedopedal.com.br

Jorn. Kiko Marinelli

 
 
 

Outras Notícias: Gabinete



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub