Prefeitura

Gabinete

09/02/2012 - PMU apresenta Projeto de Mobilidade Urbana e compensações aos moradores do Manoel Mendes

PMU apresenta Projeto de Mobilidade Urbana e compensações aos moradores do Manoel Mendes PMU apresenta Projeto de Mobilidade Urbana e compensações aos moradores do Manoel Mendes PMU apresenta Projeto de Mobilidade Urbana e compensações aos moradores do Manoel Mendes

O prefeito Anderson Adauto, acompanhado de secretários e vereadores, apresentou o Projeto de Mobilidade Urbana e suas compensações pela permuta de área verde aos moradores do conjunto Manoel Mendes, na noite desta quarta-feira (dia 8). Isto porque a PMU projeta construir na av. Niza Marques Guarita o Terminal Oeste de integração do transporte coletivo urbano, numa 1ª etapa, com estações climatizadas de embarque e desembarque de passageiros ao longo da av. Leopoldino de Oliveira, até o Terminal Leste, nas proximidades do estádio Uberabão, numa 2ª fase.

O chefe do Executivo explicou aos moradores presentes na praça onde terá 4 mil m2 permutados, numa fração de 1/3 do campo de futebol, por área na av. Niza Guarita, é fundamental para o projeto. Nela será construído o terminal, onde será feita a integração dos ônibus coletivos, para que a população pague apenas uma passagem para percorrer toda a cidade, numa freqüência de 3 em 3 minutos pela av. Leopoldino. Também ressaltou os problemas vividos diariamente pelos motoristas, em função da frota local ter chegado a mais de 165 mil veículos.

“Precisamos criar alternativas para o trânsito. O urbanista Jaime Lerner, ex-prefeito de Curitiba e um dos principais estudiosos do país, apresentou o Projeto de Mobilidade Urbana, que coloca o transporte coletivo como prioridade”, destacou AA.

Em seguida a apresentação de detalhes do projeto, o prefeito apresentou as compensações pela permuta de parte da área do campo de futebol. No local será criada uma área de lazer, toda urbanizada, com parque infantil, pista de caminhada, campo soçaite, praça de convívio, academia ao ar livre e mobiliário. Anderson destacou ainda que na área a ser entregue só será permitida a construção de moradias e para a av. Nossa Senhora do Desterro pequenos comerciários, descartando a aprovação de estabelecimentos, como serralheria ou depósito de material de construção.

Também detalhou o projeto de um novo parque ecológico na cidade, com a integração de áreas de expansão do bairro Elza Amui. Sete empresários que desejam construir casas naquela região doarão 1 milhão de m2, preservação a mata existente no local, para que seja urbanizada. “Será um novo pulmão verde integrado ao perímetro urbano”, observou.

Na parte final da reunião, Anderson abriu a palavra para os moradores, que se posicionaram a favor e contra a proposta. Votação realizada com os presentes aprovou a implantação do projeto por 43 votos contra 13. Mesmo assim, o presidente da Associação de Moradores, Joaquim Benevides de Ávila, posicionou que é preciso esperar posicionamento da Promotoria de Meio Ambiente que foi acionada pela entidade, com o que concordou o Executivo.

O presidente da Câmara Municipal, Luiz Humberto Dutra, afirmou ao final que o Legislativo aprova a decisão da maioria, mas sugeriu que a permuta fosse feita pela área da sede da associação, dividindo opiniões.

Participaram ainda da reunião os secretários Karim Abud Mauad (Planejamento), Rodrigo Mateus (Governo), Carlos Dalberto de Oliveira Belzinho (Esporte) e Sérgio Tiveron (Procuradoria) e os vereadores José Severino e Samuel Pereira.
 

 
 
 

Outras Notícias: Gabinete



Voltar
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub