Prefeitura

Gabinete

31/01/2012 - Plano de Emergência Pluviométrica pode ser modelo no Estado

Plano de Emergência Pluviométrica pode ser modelo no Estado. Foto: Francis do Prado Plano de Emergência Pluviométrica pode ser modelo no Estado. Foto: Francis do Prado Plano de Emergência Pluviométrica pode ser modelo no Estado. Foto: Francis do Prado

Prefeitura de Uberaba, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre (Dnit), Departamento de Estradas e Rodagem (DER-MG), Polícia Rodoviária Federal e Cemig assinaram neste terça-feira (dia 31) o termo de compromisso de cumprimento do Plano de Emergência Pluviométrica. Durante a solenidade, o prefeito Anderson Adauto levou a conhecimento do vice-governador Alberto Pinto Coelho a iniciativa adotada por Uberaba em reunir as instituições ligadas a Defesa Civil para ações de prevenção, resposta e recuperação em casos de catástrofes atmosféricas.

O coordenador da força tarefa coronel Antônio de Sousa Filho abriu a reunião dizendo da construção do plano a muitas mãos, numa junção de esforços e recursos para fazer com as secretarias municipais e parceiros se interajam para atender a população uberabense nas emergências pluviométricas. Ele ressaltou a importância do ensaio realizado na última quinta-feira, que se transformou em situação real com as chuvas que caíram naquele dia, inclusive para correção de problemas detectados e aperfeiçoamento do plano de ações.

Em seguida, as fases do PEP foram apresentadas pelo capitão Santiago. A primeira deles é a preventiva, identificada pelo cor verde, com ações de articulação dos órgãos de defesa civil, vistoria e reconhecimento dos locais de risco, monitoramento atmosférico pelo climatologista Vanda Prata, mapeamento das áreas de risco e criação de mecanismos de comunicação. A fase amarela é de preparação das equipes para atuação, com atualização constante do plano, preparação de pessoal e de logística, criação de mecanismos de limpeza de bocas de lobo e travamento de tampas de bueiros, dentre outras. A fase vermelha é de resposta, com a coordenação das ações de socorro, isolamento das áreas de sinistro, atendimento aos feridos, busca de desaparecidos e proteção de bens e serviços. A quarta e última fase, identificada pela cor branca, é a recuperativa, com avaliação dos danos, apoio aos desabrigados, assistência às famílias, articulação governamental e reorganização do ambiente.

O comandante regional da PM, coronel Laércio dos Reis, elogiou o trabalho das instituições envolvidas na elaboração do plano emergencial, destacando a importância da simulação realizada pela força tarefa, com papeis definidos para cada uma delas. Ele se disse assustado com os eventos climáticos registrados na cidade e destacou a iniciativa do prefeito Anderson Adauto de articular esse plano, por ser uma preocupação de todos quando chove forte, e que poderá ser levado como modelo para outras cidades.

Na mesma linha, representando os órgãos federais envolvidos no PEP, o inspetor Mayol ressaltou a importância da Polícia Rodoviária Federal, Dnit e DER no plano de emergência pluviométrica, uma vez que o município possui 50km de rodovias e se colocou a disposição com os demais parceiros para atender as necessidades da comunidade.

O prefeito Anderson Adauto fez questão de ressaltar a participação de todos os parceiros neste importante trabalho para a população, principalmente neste momento em que ela mais necessita de socorro. Ele observou que o trabalho em conjunto não é fácil, especialmente no campo prático, e que as instituições envolvidas conseguiram atingir o objetivo, apresentando um plano que serve de modelo para ser adotado em outras cidades.

nderson declarou que o município conseguir recursos federais, da ordem de R$ 200 milhões, para atacar os dois principais problemas da cidade. A melhoria no abastecimento de água, em função da falta do produto na época da estiagem, com o inicio da construção da terceira estação de tratamento e captação de água no rio Claro. E o enfrentamento das enchentes na época chuvosa, com a ampliação dos canais. Revelou ainda que até o fim do mês fará a entrega das primeiras casas no loteamento Gameleiras para 25 famílias que estão em maior situação de risco.

 

 
 
 

Outras Notícias: Gabinete



Voltar
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub