Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Saúde

09/03/2020 - Uberaba começa a utilizar sistema oficial de regulação de leitos do Ministério da Saúde

SisReg: o novo sistema operacional será acionado a zero hora desta terça-feira (10)

 

O Município de Uberaba começa a utilizar o Sistema de Regulação Hospitalar e Ambulatorial, o SisReg, a partir desta terça-feira (10). O SisReg é o sistema oficial do Ministério da Saúde, criado em 2006 para o gerenciamento do complexo regulatório de leitos, desde à rede básica até à internação hospitalar. Nesta segunda-feira (9), o prefeito Paulo Piau se reuniu com o secretário de Saúde, Iraci Neto e equipe de regulação do Município para discutir o novo fluxograma da regulação de leitos em Uberaba. Também foram apresentadas as opções de operacionalização apontadas aos municípios da região para atuar em conjunto com o novo sistema de Uberaba. Segundo o prefeito Paulo Piau o objetivo é melhorar a qualidade de atendimento em saúde, protegendo a vida da população. “Estamos colocando, o mais rápido possível, o paciente no hospital em que ele precisa estar sem deixar de assistir a região”, destacou Piau informando que opções de fluxo foram apresentadas à macrorregião.

Benefícios – Segundo o secretário Iraci, desde a implantação do Complexo Regulador Municipal de Saúde, em julho de 2019, pela Prefeitura de Uberaba, houve melhora na disponibilidade de leitos hospitalares em urgência e emergência. “Estamos transferindo mais a partir do novo planejamento. O tempo de espera para transferência nas UPAs caiu de sete dias para quatro horas e a taxa de óbitos, também nas UPAs, para menos de 1%”, relata o secretário de Saúde. Para a implantação do SisReg em Uberaba, a equipe de regulação do Município estudou o seu funcionamento em diversas cidades do Brasil, como Brasília, Florianópolis e Uberlândia.

O coordenador do Complexo Regulador Municipal, médico Raelson Batista, explica que o sistema do Ministério da Saúde permite, entre outras coisas, a classificação de risco dos pacientes por cores, em um modelo parecido com o Protocolo de Manchester. “Isso facilita a regulação e agiliza a transferência, diminuindo o tempo de espera dos pacientes nas Unidades de Pronto Atendimento, além de direcionar os casos conforme a habilitação do hospital”, esclarece Relson. Isso quer dizer que uma gestante, por exemplo, será direcionada ao Hospital Universitário Mário Palmério e não ao Hospital Regional, que não é referência para atendimento obstétrico.  

 

Quatro opções foram apresentadas à região

 

Para os municípios, caso precisem de leitos em Uberaba foram quatro as opções apresentadas.  Até à tarde desta segunda-feira (9) não houve posicionamento oficial dos municípios.

 

- Inserção direta no SisReg dos casos de urgência e emergência e os pedidos eletivos junto ao Complexo Regulador Municipal de Uberaba;

- Inserção direta dos pedidos eletivos e transferem a inserção dos casos de urgência e emergência para a Central Estadual;

- Transferência da inserção dos pedidos eletivos para os hospitais e dos casos de urgência e emergência para a Central Estadual;

- Transferência da inserção dos casos de urgência e emergência e também os eletivos para a Central Estadual.

 

Jorn. Clarice Sousa

 
 
 

Outras Notícias: Saúde



Voltar
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub