Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Saúde

17/12/2019 - Saúde divulga balanço anual referente às arboviroses e planeja novas ações

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio do Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias, da Prefeitura Municipal de Uberaba, apresentou nesta terça-feira (17) o balanço geral do ano de 2019 referente às ações realizadas para a prevenção e controle das arboviroses na cidade. Os números, referentes ao período de janeiro a novembro, foram apresentados pelo Comitê Municipal de Enfrentamento das Arboviroses, doenças transmitidas pelos chamados arbovírus, que incluem a dengue, zika vírus, febre chikungunya e febre amarela.

O comitê tem como objetivo, além de planejar as ações de prevenção e combate as doenças transmitidas pelo aedes aegypti, integrar e interagir com diversas secretarias e entidades da sociedade para estimular a divulgação e comunicação das ações. Estavam presentes na reunião servidores das Secretarias Municipais de Serviços Urbanos e Obras (Sesurb), de Defesa Social (SDS) e de Educação (Semed).

Notificações. De acordo com os dados apresentados pelo Departamento de Vigilância Epidemiológica e Informação da Evolução da Dengue, foram 13.168 casos notificados. Desses, 1.186 foram casos confirmados de dengue com dois óbitos relacionados à comorbidades, ou seja, o paciente durante o diagnóstico apresentou outra doença que agravou o seu quadro clínico. A chefe do Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias, Lara Rocha Batista, informa que o número de notificações em 2019 foi muito maior que 2018. No mesmo período do ano anterior foram registrados 3.422 casos. Isso, segundo ela, se deve ao ciclo das arboviroses, cujos picos de notificações acontecem em média a cada três anos. Por outro lado ela ressalta que os números podem ser subestimados, já não raramente pacientes podem apresentar sintomas suspeitos de dengue, mas não procuram os serviços de saúde e, portanto, não entram nas estatísticas.

 

Comportamento do cidadão continua sendo o fator mais importante contra a dengue

 

Nos dois Levantamentos de Índice Rápido para aedes aegypti (LIRAa) de 2019 em Uberaba, houve diminuição na porcentagem de infestação do “mosquito da dengue”. Em janeiro, o índice foi de 4,26%. Essa porcentagem está relacionada, conforme chefe do Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias, Lara Rocha Batista, principalmente a depósitos móveis, aqueles possíveis de serem lavados e cuidados pelos moradores, e ao lixo acumulado nos quintais das residências. No levantamento de outubro, o índice caiu para 2,45%, sendo verificada também mudança nos locais de infestações para depósitos móveis e fixos, ou seja, aqueles que não tem como ser coletados, mas que a população pode cuidar, como ralos e banheiros em desuso.

Para o secretário de Saúde, Iraci de Souza Neto, a diminuição das infestações relacionadas ao lixo, se deve aos Mutirões de Limpeza . “O que nos chamou a atenção em 2019 foram as mais de 80 toneladas recolhidas de incipientes, aqueles materiais recicláveis que são acumuladores de água e potenciais criadores do mosquito”, destaca.

Endemias. Das 170 mil residências cadastradas pela Saúde Municipal, apenas cerca de 40 mil foram efetivamente vistoriadas nas visitas mensais dos agentes de endemias. O índice é resultado da ausência do morador em sua residência ou recusa ao serviço. De acordo com a chefe do Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias, os agentes chegam a visitar 90% dos imóveis cadastrados, mas eles são conseguem realizar o trabalho em cerca de 45% a 50%.

As equipes de Pontos Estratégicos (PE’s) e do Serviço de Bloqueio, responsáveis pela eliminação do mosquito adulto transmissor da dengue, realizaram 2.061 atividades de combates em locais denunciados pela população ou reconhecidamente pontos de alto índice de entrada e saída do mosquito, como ferros-velhos e borracharias. Nessas visitas os agentes dedetizam, colocam larvicidas e eliminam água parada.

Foram mais de mil as denúncias ou demandas atendidas pelo Disk Dengue, do Departamento de Zoonoses. Este canal de comunicação está disponível à população pelo telefone 33317-4655.

 

Balanço de atividades de 2019 aponta uso de tecnologia e reúne eventos sociais e capacitação

 

A Secretaria Muncipal de Saúde realizou diversos eventos sociais, por meio da Equipe de Educação em Saúde. Foram 80 palestras em unidades escolares e empresas privadas; 58 apresentações teatrais sobre o mosquito aedes aegypti em escolas e praças públicas; cinco rodas de conversa sobre arboviroses em empresas particulares; panfletagem em 18 locais e montados 129 ‘estandes da dengue’ em escolas e eventos.

Esse ano os agentes receberam Capacitação de Combate a Endemias visando à melhoria dos serviços realizados. A Secretaria de Saúde realizou também a “Parada Final Contra a Dengue”. Esse evento contou com a parceria das escolas municipais, Unidades de Saúde e Tiro de Guerra 11003 mobilizando a população para o combate à dengue, conforme explica Lara.

Tecnologia. O ano de 2019 também foi marcado pelo o uso da tecnologia no combate e prevenção das arboviroses. Foram lançados os aplicativos ‘Uberaba Contra Dengue’ e o ‘Cidade Ativa’ agilizando o atendimento das demandas da população. Outro ponto marcante foi a parceria com a Companhia de Desenvolvimento de Informática de Uberaba (Codiub), que permitiu a utilização de drones para visualização área de locais, aos quais as equipes não tem acesso. Tgais informações permitem ao Departamento de Posturas acionar o proprietário para a limpeza do imóvel.

 

Momento é de planejar estratégias para 2020

 

O Secretário de Saúde, Iraci de Souza Neto, aproveitou a divulgação do balanço anual das ações de Prevenção e Controle das Arboviroses realizadas por meio do Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias para divulgar o planejamento de algumas ações para o combate à dengue em 2020, relacionadas, principalmente, ao primeiro quadrimestre, considerado período crítico da doença. De acordo com o secretário, o clima com muitas chuvas e calor intenso, característicos do verão, coloca em alerta a Secretaria.

Iraci informa que a partir de janeiro os Mutirões de Limpeza voltam a ser intensificados com dois caminhões e equipe com mais de 20 braçais no serviço de coleta. O planejamento inclui mais ações conjuntas com a Secretaria de Serviços Urbanos e Obras (Sesurb), além de ‘caçambões’ para o depósito de lixo eletrônico.

Quanto aos atendimentos médicos, diz Iraci, foi atualizado o fluxograma de retaguarda assistencial desde as Unidades Básicas de Saúde (UBS) (com salas de hidratação com kits específicos para as arboviroses) além de capacitações dos profissionais a partir de janeiro.

Parcerias com diversas secretarias, utilização da tecnologia através dos aplicativos e Ecopontos são algumas das ações que estão sendo planejadas para que o Município mantenha estrutura rígida de combate à dengue. “Vamos utilizar em torno de 230 profissionais, colaboradores, agentes comunitários de endemias para dar segurança às ações e garantir estrutura para manter Uberaba livre da dengue, ou pelo menos dentro dos padrões de normalidade” esclarece.

Jorn. Lílian Veronezi 

 
 
 

Outras Notícias: Saúde



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub