Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Saúde

15/03/2014 - Saúde e Infraestrutura se organizam para mutirão contra a dengue

O secretário de Saúde, Fahim Sawan, o diretor do Departamento de Zoonoses, Antônio Carlos Barbosa e o secretário de Infraestrutura, Roberto Indaiá, se reuniram na manhã desta sexta-feira (14), e definiram que será feito um mutirão nos bairros mais infestados com o mosquito Aedes aegypti, onde serão recolhidos possíveis criadouros. O mutirão começa nesta segunda-feira (17), após a divulgação do Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa).

Fahim Sawan revelou que devido ao aumento de chuva nos últimos dias, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) acende sinal de alerta contra a dengue. “Nos últimos dias, aumentou a procura das pessoas nas UPA’s e nós já percebemos pelo nosso monitoramento em tempo real que também está aumentando a infestação do mosquito”, destacou.

No mutirão, cerca de 50 agentes de Zoonoses farão o recolhimento dos criadouros, enquanto a Infraestrutura disponibilizará os caminhões para recolher o material, além de funcionários para fazer a limpeza de terrenos e poda do mato. A SMS confirmou, também, a contratação de 40 novos agentes de Zoonoses. Os nomes sairão no Porta Voz desta sexta-feira (14).

Levantamento da semana epidemiológica

O levantamento da semana epidemiológica 11, registrou um IMFA (Infestação Média de Fêmeas do Aedes Aegypt) de 0,23 nessa semana, apresentando um aumento em relação às últimas três semanas. O IMFA da semana 10 foi de 0,15, da semana 9, 0,20, e da semana 8, 0,21.

Dos 122 bairros relatados, 14 estão em estado crítico e 19 em estado de alerta, totalizando 33 bairros que devem ter cuidados redobrados. “Por mais que o trabalho de combate seja grande, a chance de se ter dengue não vai acabar enquanto não acabarem as chuvas. Estamos muito preocupados e pedimos a colaboração de toda a comunidade, com cuidados redobrados para evitar o criadouro em suas casas, evitando que a própria família fique doente”, afirmou o secretário Fahim Sawan.

Segue abaixo os IMFAs de cada bairro em estado crítico (vermelho) ou em estado de alerta (laranja) na Semana Epidemiológica 11.

JD SANTA CLARA

2,17

JD MANHATTAN

1,5

FLAMBOYANT 2

1

FRANCISCO ANGOTTI

1

JOSE BARBOSA

1

SAO SEBASTIAO

1

UMUARAMA

1

MANOEL MENDES

0,83

MORUMBI

0,75

SANTA MARIA

0,75

JD MARACANA

0,67

SANTA MARTA

0,67

UNIVERDECIDADE

0,67

PQ SAO JOSE

0,6

REC DOS BANDEIRANTES

0,58

BEIJA FLOR 3

0,5

DIST INDUSTRIAL 1

0,5

GAMELEIRA 2

0,5

MARINGA

0,5

SILVERIO CARTAFINA

0,5

TUTUNAS

0,5

VALIM DE MELO

0,5

RES ESTADOS UNIDOS

0,43

CALIXTO CECILIO

0,36

JD UBERABA

0,36

ALFREDO FREIRE 2

0,33

BOM RETIRO

0,33

LEBLON

0,33

N S APARECIDA

0,33

ONEIDA MENDES

0,33

PQ DOS GIRASSOIS

0,33

SAO BENEDITO

0,33

N S DE LOURDES

0,3

Casos confirmados

Em janeiro deste ano a SMS confirmou 9 casos positivos de dengue e em fevereiro já foram confirmados 18. Em 2014 foi registrado um total de 27 casos e nenhum óbito. No ano passado esse número foi muito maior. Em janeiro foram 515 casos positivos e em fevereiro foram 850, totalizando 1.355 casos. Além disso, neste mesmo período, Uberaba já tinha registrado oito óbitos

“As nossas UPAs e UBSs estão preparadas para fazer a hidratação e diagnóstico, mas o mais importante nessa hora é realmente contar com o auxílio da população, pois não é possível mais a pessoa não tomar consciência”, concluiu Sawan.

 

Jorn. Marcela Matarim

 
 
 

Outras Notícias: Saúde



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub