Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Zoonoses

18/12/2013 - Lixo em residências causa preocupação

Uma residência no bairro Manoel Mendes irá passar pelo terceiro dia de limpeza devido a grande quantidade de entulho acumulado pelo morador. Até o momento já foram retirados três caminhões e meio de lixo e o trabalho de limpeza deve continuar durante a semana. Esse trabalho é uma ação conjunta entre Defesa Civil, Zoonoses, Secretaria de Infraestrutura, Departamento de Posturas, Vigilância Sanitária, Corpo de Bombeiros e Policia Militar.

O coordenador da Defesa Civil, Evaldo Faquineli dos Reis, alerta para casos como esse. “A casa causa um mau cheiro na vizinhança e atrai roedores e insetos peçonhentos. Sem contar que a residência tinha um risco de incêndio grande e de propagação muito rápida, uma vez que a maioria dos materiais era de fácil combustão. O risco é grande tanto para o morador quanto para as famílias vizinhas. Outro ponto agravante são os inúmeros locais para acúmulo de água, o que propicia a proliferação do mosquito da dengue”, afirma Evaldo.

O diretor do Departamento de Zoonoses, Antônio Carlos Barbosa, alerta que com as chuvas de final de ano, o cuidado com a dengue deve ser redobrado. “Nossa preocupação é com casas como essa, que não temos acesso fácil. Pela quantidade de lixo, percebemos que a situação já vem se desenrolando a um bom tempo e é preocupante que essa intervenção só tenha sido possível depois que os familiares denunciaram e autorizaram a entrada na residência. Por conta disso, acredito que existam ainda muitas casas nessa mesma situação, da qual não temos conhecimento. Ficamos alarmados porque esses são os locais mais propícios para o desenvolvimento de focos do mosquito”, explica Antônio Carlos.

O diretor do Departamento de Posturas, Renê de Freitas, destaca que só nesse ano já foram registradas mais de 2.000 reclamações e de todas as autuações do departamento, 50% são de limpeza de terrenos e imóveis.  Para Renê, é preciso que a população denuncie casos como esse para que não passem despercebidos. “O fiscal da Posturas só pode autuar as residências em que o acúmulo de lixo pode ser visto da rua. Nesses casos o morador é autuado por cada 100 m² de entulho, com multa no valor de meia UFM (Unidade Fiscal do Município) que equivale a R$ 75 reais. Em caso de reincidência o valor da multa é dobrado. Já quando o acúmulo ocorre dentro do imóvel, como na casa do bairro Manoel Mendes, a situação fica mais complicada de fiscalizar. A população tem um papel fundamental nesse momento de denunciar o caso à prefeitura”, pede Renê.

Dengue

O diretor do Departamento de Zoonoses destaca que a situação da Dengue até o momento está controlada. “No mesmo período no ano passado já existiam casos suspeitos e nesse ano ainda não foram registradas pessoas que estejam com os sintomas da doença. Mais isso não é motivo para a população relaxar, temos que manter a cidade limpa, com cada um cuidando do seu quintal para evitar ao máximo a multiplicação do mosquito”, alerta Antônio Carlos.

De acordo com ele, nesse período do ano a Zoonoses sempre intensifica o trabalho. “Essa época do ano é de muita água e os índices sobem. Estamos nos programando para começar um trabalho intensificado na semana do natal, quando colocaremos os veículos de fumacê para rodar de acordo com os pontos de maior necessidade que estão sendo estudados e ainda serão definidos”, informa Antônio Carlos.

O Departamento de Zoonoses trabalha atualmente com 150 agentes de saúde que realizam as visitas nas residências do município. O departamento realiza de tempos em tempos, uma intensificação nos trabalhos contra a dengue quando três carros de fumacê rodam a cidade.

 

Jorn. Natália Melo

 
 
 

Outras Notícias: Zoonoses



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub