Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Agronegócio

04/08/2015 - Cotação semanal da Ceasa aponta descida nos preços do hortifrúti

Unidade de Uberaba passa por obras de reforma e mudança nas regras de funcionamento; queda de custos é impulsionada por aumento na oferta
A Secretaria Municipal de Desenvolvimento do Agronegócio (Sagri), por meio da Central de Abastecimento (Ceasa) de Uberaba, divulga a cotação semanal de preços de produtos hortifrutigranjeiros, realizada nesta segunda-feira (3). Os valores apontam uma descida generalizada dos custos.


O gerente da unidade municipal da Ceasa, Artur Batista de Paiva Neto, destaca o aumento da oferta no início desta semana. “Observamos uma quantidade significativa de produtos à venda e uma movimentação favorável de fornecedores e comerciantes, o que contribui para a descida dos preços”, afirma.


Além das obras de reforma da Ceasa, que tiveram início no mês passado, a sede passa por outras mudanças nas regras de funcionamento, de acordo com o contrato de gestão compartilhada firmado com a Ceasa estadual.


“A partir desta segunda-feira, a fiscalização sobre o uso de certificados de origem será intensificada, com o objetivo de conscientizar os fornecedores, permissionários e produtores sobre a sua importância”, descreve Artur. As infrações registradas serão alvo de autuações.


Valores – A cebola e a batata, vendidas em sacos de 50 kg, apontaram a segunda queda de preço consecutiva. A pesquisa desta semana mostra ambas com preço de R$ 80. As últimas duas cotações revelaram uma descida de mais de 33%, no caso da batata, e 20% para a cebola.


A cenoura também ficou mais barata. Face aos R$ 45 apontados na última segunda-feira (27 de julho), a caixa de 22 kg sai agora por R$ 35, assim como a beterraba que, nessa quantidade, registra o mesmo valor.


Outro exemplo é a caixa de 22 kg de abobrinha, cujo preço passou de R$ 40 para R$ 35. A laranja (18 kg) e a maçã nacional (22 kg) foram algumas das frutas que também ficaram mais acessíveis nesta semana. O preço apontado foi de R$ 18 para a laranja e R$ 70 no caso da maçã.
Os alimentos restantes mantiveram seus preços iguais aos verificados na última cotação. A caixa de 12 kg de tomate custa R$ 50, após uma descida no mês passado. As dúzias de couve-flor e alface ainda apontam o mesmo valor – R$ 36 e R$ 12, respectivamente.


Trinta quilogramas de repolho saem por R$ 15, e a caixa de 12 kg de vagem ainda custa R$ 40. O pimentão (11 kg), o jiló (22 kg) e o chuchu (22 kg) são comercializados pelo mesmo valor – R$ 30.


Em relação às frutas, o quilograma de melancia mantém-se em R$ 1,0. Já as caixas de 22 kg de abacate e limão taiti continuam à venda por R$ 70 e R$ 40, respectivamente. As bananas nanica e prata, vendidas em caixas de 22 kg, também estabilizaram seus preços. A primeira custa R$ 18 e a segunda sai por R$ 25. Por último, a caixa de 22 kg de maçã nacional é vendida por R$ 35.


Breno Cordeiro (estagiário de jornalismo)

 
 
 

Outras Notícias: Agronegócio



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub