Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Desenvolvimento do Agronegócio

05/05/2015 - Ceasa aponta estabilização nos preços do hortifruti

Pesquisa semanal revela normalização da oferta


A Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária, Aquicultura, Pesca e Abastecimento (Sagri), por meio da Central de Abastecimento de Uberaba (Ceasa) divulgou, nesta segunda-feira (4), o resultado da cotação semanal de preços de produtos hortifrutigranjeiros. A pesquisa indica uma estabilização da maioria dos valores.


O orientador de mercado da Ceasa, João Carlos Caroni, afirma que os preços para a primeira semana de maio dão continuidade à tendência das pesquisas anteriores. “Como sempre, observamos variações em alguns casos, mas é visível uma estabilização dos custos. Isso se deve à normalização do clima e das ofertas e demandas da maioria dos alimentos”, explica.


A maioria dos produtos apresenta o mesmo preço cotado na semana passada. É o caso da caixa de 22 kg de chuchu, vendida por R$ 20. O mesmo vale para a cenoura e a beterraba, ambas comercializadas em caixas de 22 kg por R$ 40.


A caixa de 22 kg de jiló continua com o preço de R$ 30, assim como a caixa de 30 kg de repolho. O preço da maçã nacional (em caixas de 20 kg) se manteve em R$ 70 e a banana-prata (vendida em caixas de 22 kg) ainda aponta o preço de R$ 35.


A laranja, também comercializada em caixas de 22 kg, estabilizou seu preço em R$ 25, assim como, a dúzia de couve-flor, vendida por R$ 60. Outro exemplo é o quilograma de melancia, que custa R$ 1,10.


Foram verificadas, ainda, algumas descidas nos custos de alguns produtos. É o caso da caixa de 18 kg de mamão formosa, cujo preço desceu de R$ 32 para R$ 30, a dúzia de alface, que viu seu custo cair de R$ 24 para R$ 18, e a caixa de 12 kg de vagem, que custa R$ 60, face aos R$ 70 da semana passada.


O mesmo acontece com a caixa de 11 kg de pimentão, vendida esta semana por R$ 30 – uma diferença de R$ 10 a menos em relação à última cotação.


Uma das poucas subidas de preço foi observada no saco de 50 kg de batata. Com preço de R$ 70 na semana passada, nesta segunda-feira o valor apontado foi de R$ 90. De forma semelhante, a caixa de 12 kg de tomate custa R$ 100, enquanto o preço registrado na última pesquisa foi de R$ 80.


Tanto a abobrinha (caixa de 22 kg) e o quiabo (caixa de 14 kg) viram seu preço subir de R$ 30 para R$ 40. O saco de 20 kg de cebola sofreu uma pequena subida – de R$ 55 para R$ 60, assim como o limão taiti, cujo preço passou de R$ 25 para R$ 30.

Breno Cordeiro (estagiário de jornalismo) 

 
 
 

Outras Notícias: Desenvolvimento do Agronegócio



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub