Prefeitura

Educação e Cultura

23/07/2019 - Produção de textos

Professores da rede municipal são incentivados a relatar experiências
 
A Comissão de Avaliação e Validação Textual, da Secretaria de Educação/Departamento de Formação Profissional promove, desde junho de 2018, suporte aos profissionais do magistério municipal, visando organizar dados e ideias para relatar a experiência profissional, elaborar reflexões sobre o ensino-aprendizagem, além de aprimorar a prática.


O inspetor educacional, Reginaldo Santos, explica que a Comissão foi criada para executar a Formação Continuada dos profissionais detentores de dobra de turno e/ou acima de oito aulas excedentes ou, ainda, que possuam dois cargos na mesma unidade, ou em duas ou mais unidades municipais, cujas formações ocorram nos mesmos dias e horários, de forma que evite o choque de horário.


Reginaldo fala, também, sobre a expectativa de incentivar a escrita junto aos professores, com o intuito de que os profissionais não sejam tomados somente pelas novas tecnologias. “Nosso propósito é manter o hábito e o gosto pela leitura, bem como superar o medo da escrita. Despertar naquele profissional a visão de que vale a pena escrever”, declara o inspetor.


Com a equipe formada pelos professores Adriene Pontes, Adriana Rodrigues, Afifa Rassi, Bruno Carvalho e Reginaldo Santos, sob coordenação de Maria Beatriz Domingos e Regina Paroneto, a Comissão teve a participação de 312 educadores no primeiro encontro no início de julho. O próximo encontro presencial será em agosto, quando os textos serão devolvidos aos autores, com as considerações dos orientadores.


As atividades elaboradas pela Comissão reúnem oficinas de leitura e escrita, rodas de conversa, estudos de resenha, apreciação de artigos, atividades de escrita espontânea com diretrizes sobre obras lidas, seminários, além de atividades à distância. Em abril, os profissionais leram o livro “Pedagogia da Autonomia” e, em junho, “Pedagogia da Esperança”, ambos de Paulo Freire, para um paralelo entre as duas obras e especificar suas experiências profissionais na docência.


"Atendendo aos anseios de muitos dos nossos servidores em relação ao aprimoramento da escrita e produção de textos acadêmicos, optamos por trabalhar, prioritariamente, oficinas de leitura e escrita, com atividades presenciais e à distância, objetivando transformar em autores os profissionais do magistério da rede Municipal”, finaliza Reginaldo.


O planejamento das atividades é estabelecido no início do ano e pode sofrer adaptações, considerando se tratar de um projeto-piloto.


Estagiária Jorn. Ana Rizieri 

 

 
 
 

Outras Notícias: Educação e Cultura



Voltar
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub