Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Desenvolvimento Social

31/10/2015 - Projeto Redes terá articulador para o projeto Crack, é possível vencer

Os currículos poderão ser cadastrados a partir do mês de novembro pelo site da Fiotec


O Comitê Gestor Municipal do Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack se reuniu o Interlocutor do Projeto Redes de Minas Gerais,  Jadir Assis, para tratar da contratação de um articulador da rede intersetorial para o programa. Esta contratação está dentro do projeto “Crack, é possível vencer” que é uma iniciativa com três eixos que relacionam a prevenção, cuidado e autoridade. O objetivo é promover ação integrada entre a União, Estado e Município para o enfrentamento ao crack e outras drogas, por meio de políticas públicas de prevenção, do aumento da oferta de serviços de tratamento e atenção aos usuários e seus familiares.


O Comitê Gestor foi criado pelo Decreto Municipal nº 471/2013, e é formado por representantes das secretarias de Saúde, Governo, Desenvolvimento Social, Educação, Defesa Social, Trânsito e Transporte, Desenvolvimento Econômico e Turismo e Fundação de Esporte e Lazer.
Segundo o Interlocutor Jadir Assis, a ideia do projeto é realizar ações para a integração de pessoas em vulnerabilidade, por meio deste articulador. “O papel do articulador é apoiar a rede para contribuir com novas potencialidades, a partir de um conhecimento da própria dinâmica do seu município, tornando a rede mais efetiva e com mais força. Associando com as universidades, realizando a capacitação e formação continuada, para a ampliação de visão da gestão pública”.


O profissional terá a contratação de bolsa, com duração de dez meses, podendo ser prorrogada, com uma remuneração mensal de R$ 3 mil. O contrato será firmado com a coordenação do projeto, Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad), e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), por meio da Fundação para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico em Saúde (Fiotec). Os interessados deverão ter formação acadêmica em áreas relacionadas a ciências da saúde, ciências sociais e ciências humanas; experiência comprovada em serviços da rede SUS/SUAS (Sistema Único da Assistência Social) ou RAPS (Rede de Atenção Psicossocial) ou gestão destas políticas públicas de no mínimo dois anos.


Os currículos poderão ser cadastrados a partir do mês de novembro, pelo site da Fiotec http://www.fiotec.fiocruz.br . A seleção contará com análise curricular com comprovação documental e entrevista. De acordo com o Secretário de Desenvolvimento Social, Roberto Indaiá a reunião foi excelente e o projeto ajudará Uberaba no enfrentamento às drogas.“Dentro deste conselho gestor os secretários e pessoas ligadas a eles, darão o apoio suficiente para o projeto ser colocado em prática. O encontro com o diretor de Articulação, Leon Garcia, em Brasília foi bastante positivo no quesito de reforços, através do Senad a respeito de integração das redes para a cidade de Uberaba. A nossa preocupação é cuidar de quem precisa”, enfatiza o secretário.


Jorn. Katiuscia Antunes
Comunicação PMU

 
 
 

Outras Notícias: Desenvolvimento Social



Voltar
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub