Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

SEPPAR / PPPs

18/09/2015 - ZPE de Uberaba se consolida como novo espaço para o desenvolvimento de empresas

Foi assinada nesta semana a documentação que consolida a criação da Zona de Processamento e Exportação (ZPE) de Uberaba. Com o termo firmado entre a Prefeitura de Uberaba, a Aciu – Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Uberaba  e a Cassu Participações que é a companhia administradora da Zona de Processamento e Exportação. Agora a ZPE passa a trabalhar com o cronograma físico e financeiro da área.
Isso significa que, a partir deste momento, a Prefeitura de Uberaba poderá dar início às obras de preparação da área para receber as indústrias, bem como terá início a captação de empresários que trabalhem focados na exportação. “Estamos vivendo uma fase muito produtiva para Uberaba. Nossa ZPE está pronta para começar os primeiros investimentos e receber as primeiras empresas. A cidade está com muita perspectiva de avançar ainda mais, demonstrando que com esforço e trabalho árduo é possível caminhar mesmo com os problemas que vem sendo enfrentados pelo País”, aponta o prefeito Paulo Piau.


O secretário Especial de Projetos e Parcerias (SEPPAR), Glauber Faquineli, destaca que a consolidação da ZPE marca a abertura do município para um nicho do desenvolvimento que poucos lugares no Brasil possuem. “Estamos abrindo as portas para grandes empresas venham se instalar no município. Empresas que ao se instalarem ali terão diversos benefícios fiscais como isenção de impostos, facilidades cambiais, bem como a desburocratização da papelada necessária para o processo de exportação. Um investimento que irá promover a geração de empregos e a marcará a instalação de um novo eixo de desenvolvimento da cidade”, afirma Faquineli.


O secretário destaca que a Prefeitura agora dará início ao trabalho de preparação da área para até junho do ano que vem já ter 10% das obras prontas. O investimento da prefeitura deve girar em torno de 3 a 5 milhões. A parceria formalizada define 59% da ZPE para a Cassu, 40% para a Prefeitura e 1% para a Aciu.


Para o proprietário do terreno e sócio da Cassu, Renato Caetano, a ZPE é um projeto extremamente importante para Uberaba que está bem estruturada, contando com a aprovação do Governo Federal e Municipal e é apoiado pelos secretários e vereadores.  “Esse projeto só irá trazer benefícios para os uberabenses, com a geração de emprego e renda e ainda impulsionando para que o município cresça ainda mais”, ressalta Caetano.


De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Uberaba, José Renato Gomes, agora que a documentação está pronta, a área esta definida e o modelo fechado é o momento para que a secretaria coloque a pasta debaixo do braço e comece a visitar as empresas que tem interesse em exportar. “O mercado está propício para exportação. A ZPE está sendo lançada oficialmente hoje, já com um modelo jurídico para funcionar e isso no melhor momento que o país enfrenta para exportar. Com isso vamos partir para frente das empresas que querem exportar e mostrar as potencialidades de Uberaba” enfatiza Gomes.


O presidente da Aciu, Manoel Rodrigues Neto, destaca que agora a ZPE efetivamente toma um corpo físico com uma possibilidade enorme de sucesso, que será um grande potencial de Uberaba na geração de emprego e renda e ainda com a possibilidade de divulgar a cidade para o mundo. “A ZPE tem por finalidade exportar produtos em um momento que é muito importante para o município e o Brasil já que o mercado interno está se retraindo, e a grande busca tem que ser o mercado externo. Acreditamos no sucesso desse projeto, estamos com o preço do dólar satisfatório e com a obrigação de buscar o mercado externo, já a ZPE surge para atender essa demanda”, explica Neto.


Durante a reunião estiveram presentes o presidente da Câmara dos Vereadores, Luiz Humberto Dutra, e os vereadores, Afrânio Cardoso Lara Resende, João Gilberto Ripposati, Franco Cartafina e Edcarlo dos Santos Carneiro (Kaká Se Liga). Também estava presente o presidente do Sindicato Rural, Romeu Borges e o chefe de Gabinete, Fernando Hueb.


Informações – A ZPE de Uberaba está em uma região  privilegiada para exportação, já que possui disponibilidade de insumos, centros de formação de mão-de-obra e malhas rodoviária e ferroviária, facilitando o acesso aos principais portos do país. A região apresenta vocação para o beneficiamento de matérias-primas derivadas da agropecuária e tem potencial para atrair investimentos nas áreas de processamento de carnes bovina e de frango, e de produção de óleo e farelo de soja. Outras cadeias produtivas com potencial para se instalarem na nova ZPE seriam a sucroalcooleira, a de couro, a de produtos lácteos, a moveleira, a de químicos, e a de cosméticos.


ZPE’s são distritos industriais incentivados, onde as empresas neles localizadas operam com suspensão de impostos, liberdade cambial (podem manter no exterior, permanentemente, as divisas obtidas nas exportações) e procedimentos administrativos simplificados - com a condição de destinarem pelo menos 80% de sua produção ao mercado externo. A parcela de até 20% da produção vendida no mercado doméstico paga integralmente os impostos normalmente cobrados sobre as importações.
 
Jorn. Natália Melo
Comunicação PMU 

 
 
 

Outras Notícias: SEPPAR / PPPs



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub