Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Desenvolvimento Social

18/06/2014 - Prefeitura de Uberaba faz chamada pública para Protejo 2014

A Prefeitura de Uberaba, por intermédio da Secretaria de Desenvolvimento Social - SEDS, abriu edital de seleção de jovens para o Programa Protejo, integrante do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci).

 O projeto, a ser desenvolvido em três grandes regiões do Uberaba I, Morumbi e Vila Paulista, tem como objetivo fomentar a realização de atividades de formação voltadas à prevenção e redução dos índices de violência e criminalidade verificada nos bairros, através do atendimento de 75 jovens em risco social. A Prefeitura pretende ainda, através desse projeto, impulsionar o retorno e/ou permanência dos jovens atendidos na educação formal; sensibilizar os jovens em direitos humanos formando-os para a cidadania; incentivar a produção cultural em artes e música; fomentar a inclusão digital dos jovens atendidos; promover a inserção produtiva desses jovens, seja incentivando a criação de grupos de geração de renda na perspectiva da economia solidária, estabelecendo parcerias com empresas para o oferecimento de estágios; e articular essas atividades com as demais iniciativas da Prefeitura, especialmente com as ações do Pronasci a serem desenvolvidas na cidade.

 O trabalho terá duração de um ano, podendo ser prorrogado por igual período, e tem como foco a formação cidadã dos jovens e adolescentes a partir de práticas esportivas, culturais e educacionais que visem resgatar a autoestima, a convivência pacífica e o incentivo à reestruturação do seu percurso socioformativo para sua inclusão em uma vida saudável.

 É perfil do público alvo do PROTEJO o jovem ou adolescente que esteja em situação de vulnerabilidade social, de risco ou de violência doméstica ou urbana; possuir, na data da inscrição, idade entre 15 a 24 anos, preferencialmente sem vínculo escolar e não atendidos por outro programa público de assistência; ser morador de uma das áreas atendidas.

São atribuições dos jovens do Protejo participar das atividades do projeto; retornar ou concluir o ensino formal durante o percurso social formativo; e ter assiduidade nas aulas durante a execução do projeto.

Os jovens matriculados receberão uma bolsa de formação, a título de auxílio financeiro, no valor de R$ 100, mensalmente, a ser repassado pelo Ministério da Justiça, desde que comprovada a frequência de presença nos conteúdos ministrados mensalmente e comprometimento com as atividades estabelecidas no âmbito do projeto. Os participantes que desistirem ou não cumprirem a carga horária mínima estabelecida, bem como as condições necessárias para a participação no programa perderá o direito ao auxílio financeiro.

As inscrições serão realizadas até 18 de julho de 2014, das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas, no Centro de Referencia das Mulheres da Paz, situado à Av. Dom Luís Maria Santana, nº 178, sala 07, Galeria Champagnat. O candidato que necessitar de atendimento especial deverá informar no momento da inscrição. As inscrições para o processo seletivo e as atividades oferecidas aos jovens selecionados são gratuitas.  No ato devem ser apresentadas cópia da certidão de nascimento ou documento de identificação, CPF e comprovante de residência.

O processo de seleção será composto de duas etapas. A primeira consiste no preenchimento da Ficha de Inscrição e Avaliação Socioeconômica. A segunda terá análise das fichas pela Comissão de Seleção do Projeto Protejo, seguido por entrevista pessoal dos jovens selecionados na primeira etapa.

A classificação dos candidatos será realizada de acordo com a situação socioeconômica conforme informações prestadas na ficha de inscrição. Terão prioridade os candidatos que estiverem expostos a um maior grau de vulnerabilidade social.

O resultado final quanto aos jovens selecionados será publicado em julho, na sede da Secretaria de Desenvolvimento Social, no local de realização das inscrições, no Jornal Porta Voz e nos CRAS Morumbi, Decio Moreira e Vila Paulista.

No ato da matrícula, o jovem deverá apresentar cópias do documento de identidade e CPF. No caso do jovem ser menor de 18 anos, deverá ir acompanhado do responsável legal e da cópia de identidade do mesmo.

O CRAS 3 “Dr. Décio Moreira, localizado na Av. Guilherme Capucci, 65, Bairro Elza Amuí, receberá inscrições de jovens dos bairros Amoroso Costa, Antônia Cândida, Cidade Nova, Domingos Mazeta, Elza Amuí, Esplanada, Primavera, Josa Bernardino, José Olavo, Mangueiras, Manhatan, Manoel Mendes, Oneida Mendes, São José, Monica Cristina, Siriema, Terra Santa, Tita Resende e Uberaba I.

O CRAS 5 Morumbi, sediado na Rua Zaida Facure Dib, 280, Bairro Morumbi, recepcionará inscrições dos Bairros Alfredo Freire, Nova Era, Parque das Americas, Volta Grande, Parque das Primaveras, Beija Flor, Girassóis, Vale do Sol, Mário Franco, Cidade Ozanan, Morada du Park, Estrela da Vitoria, Santa Monica, Copacabana, São Geraldo, Induberaba, Vila Raquel, Morumbi, Jockey Park, Pacaembu, Planalto, zona rural da Baixa, Borgico, Calcário e Capelinha do Barreiro.

O CRAS 7 da Vila Paulista, localizado na Rua Cezar Boareto, 456, atenderá os jovens do Gameleiras II, Jd. Induberaba, São Geraldo, Alvorada, Recreio dos Bandeirantes, São Cristóvão, sítios Recreio da Cachoeira do Cassu, Vila Estado Novo, Maracanã, Minas Gerais e Vila Paulista.

 

Alexandre Pereira – 17/06/14

 
 
 

Outras Notícias: Desenvolvimento Social



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub