Prefeitura Serviços Municipais Empresas Servidores Municipais Turismo Transporte Coletivo PPP Parceria Público Privada Portal da Transparência

Educação e Cultura

28/11/2013 - Escolas que aderiram Rádios Escolares reúnem alunos participantes

O “Momento Educomunicação: Interação dos Talentos das Rádios Escolares” foi realizado na tarde desta quarta-feira (27), dentro da 1ª Mostra Artística e Cultural das Escolas de Tempo Integral, no anfiteatro do Centro Administrativo. Participaram do evento o prefeito Paulo Piau, a primeira dama Heloísa Piau, o vice-prefeito Almir Silva e a secretária de Educação e Cultura (Semec) Silvana Elias. O objetivo foi promover o encontro dos integrantes das Rádios Escolares das Escolas Municipais de tempo integral.

Paulo Piau destacou que a Prefeitura está muito engajada no projeto. “Quem tem informação progride e quem não tem fica para trás. Hoje o mundo é baseado em conhecimento, por isso é muito importante estudar. Escola é onde a gente aprende e dá o sentido para a vida”, ressaltou.

Até agora, as cinco escolas municipais e uma estadual que aderiram o projeto das Rádios Escolares foram: Escola Municipal Adolfo Bezerra de Menezes, Escola Municipal Norma Sueli, Escola Municipal José Geraldo Guimarães, Escola Municipal Frei Eugênio, Escola Municipal Niza Marquez Guaritá e Escola Estadual Professora Corina de Oliveira. Mas o vice-prefeito, Almir Silva aproveitou o evento para adiantar uma novidade. “Todas as escolas vão receber as Rádios”, declarou.

Silva trabalha no rádio há 24 anos e para ele, o veículo é o meio de comunicação que tem o maior poder de transmitir uma informação em tempo real e de forma imediata. “Muitos veículos ainda não tem essa possibilidade. Quem dera se na minha época de aluno, eu tivesse tido essa oportunidade de contar com a Rádio Escolar”, afirmou.

O vice-prefeito enfatizou, ainda, que o microfone deve ser usado para o bem, já que por meio da comunicação é possível transformar a vida de muita gente. “Os alunos podem contar comigo como voluntário para estar na rádio deles, ajudando, ensinando e participando”, ressaltou Almir Silva.

Foto: Mateus Barros Cordeiro



A secretária de Educação, Silvana Elias, afirmou que a expectativa é fechar o mandato em 2016, com adesão da Rádio Escolar em 100% das escolas. “Estamos avançando e a cada dia temos novas escolas que aderem o projeto. Queremos ampliar um pouco mais longe a comunicação, pois todo e qualquer conhecimento que não for para colocar a serviço das pessoas, não serve para nada. Mas também não adianta ser bem informado se não souber comunicar”, pontuou a secretária.

Dentro das Rádios Escolares os alunos desenvolvem a leitura, o desenvolvimento de pauta, noções de grade de programa, criação de vinhetas, elaboração de programas de humor, culinária e dicas de saúde. Em Uberaba, o projeto começou no final de agosto e segue até o dia 18 de dezembro. Cada escola recebeu o Kit Escolar, que contem uma caixa de som, uma mesa de som, um notebook, dois gravadores, um microfone e um headfone.

De acordo com a coordenadora do projeto Mais Educação, Gilcelene Matayoshi, a iniciativa desse projeto surgiu do Governo Federal. “No macrocampo do programa Mais Educação, nós temos a Educomunicação, onde a Prefeitura tem uma parceria com a Uniube, que cedeu alguns alunos de jornalismo para acompanhar as escolas. Nós temos que desenvolver ações para complementar a educação de cada unidade escolar”, explicou.

Mais de 170 crianças, do 5º ao 9º ano, participaram diretamente do projeto. “Participou quem se interessou. Não foi imposto nada e fazia a inscrição quem queria. Alguns professores já encaminharam relatórios do desenvolvimento dos alunos quanto à melhoria de vocabulário, principalmente a leitura, porque eles treinam bastante”, explicou Matayoshi.

Já segundo a diretora do Departamento Cultural da Semec, Edilene Leal, as Rádios Escolares mobilizam as crianças em torno de tecnologias sociais. “A nossa maior proposta é sensibilizar as crianças, fazer com que elas sejam protagonistas, atuem, se envolvam e comecem a perceber que elas podem mudar situações. Também queremos mobilizar para que outras escolas se sintam motivadas a participarem”, afirmou.

O professor de jornalismo da Universidade de Uberaba (Uniube), Luís Fernando Ribeiro, comentou que a Educomunicação tem o papel importante dentro das escolas de emancipar o aluno, tirando o caráter vertical entre professor e aluno e tratando de forma horizontal. “A Radio Escola possibilita isso. Eu acredito que esse primeiro momento é apenas o pontapé para algo que virá e que será maior”, ressaltou.

O evento também contou com apresentação de flauta e canto coral dos alunos da Escola Municipal Gastão Mesquita Filho e do grupo de violão popular, da Escola M. Stella Chaves. Os alunos participaram, ainda, de entrevista, onde um integrante de cada escola fez perguntas aos convidados.

 

Marcela Matarim

 
 
 

Outras Notícias: Educação e Cultura



Voltar
Prefeitura Municipal de Uberaba
Fique por dentro dos nossos canais sociais:

Facebook Prefeitura de Uberaba Twitter Prefeitura de Uberaba Instagram Prefeitura de Uberaba Whatsapp Prefeitura de Uberaba
Prefeitura Municipal de Uberaba - Todos os direitos reservados.
Av Dom Luiz Maria Santana, 141 - CEP.: 38061-080- Uberaba - MG - Tel.: (34) 3318-2000
Atendimento ao Público: Das 12h às 18h.
Desenvolvido por: Codiub